Pesquisar este blog

Carregando...

QUANDO O IMPOSSIVEL ACONTECE


PENSAMENTO !  LAMENTO
VIRTUDE ! INQUIETUDE!
EMOÇAO!  RAZAO !
BELEZA !  SURPREZA 
AMOR ! TEMOR !
ADMIRAÇAO ! GRATIDAO !
TAIS SENTIMENTOS !!! DE  ONDE  VEEM ?
AGRADAVEL ! INESPLICAVEL !  
QUANDO O IMPOSSIVEL ACONTECE,
EM 15 MINUTOS DE AMOR !
E´ POSSIVEL SER FELIZ
 E  ACREDITAR NA VIDA
 EM 15 MINUTOS  A  SORRIR
 DIZER A TI QUE EMOÇAO!
 ESTAS SEMPRE A PULSAR,
 DENTRO DO MEU  CORAÇAO....
          
Enviada por Antonieta Lima

___________________________________

Homenagem às Mulheres


Mulheres fracas, fortes.
Não importa.
Mulheres mostram que mesmo através da fragilidade.
São fortes o bastante para erguerem sempre a cabeça
Sem desistir, pois sabemos que somos capazes de vencer.

Temos a delicadeza das flores
A força de ser mãe,
O carinho de ser esposa,
Reciprocidade de ser amiga,
A paixão de ser amante,
E o amor por ser mulher!

Somos fêmeas guerreiras, vencedoras,
Somos sempre o tema de um poema
Distribuímos paixão, meiguice, força, carinho, amor.

Somos um pouco de tudo
Calmas, agitadas, lentas!
Vaidosas, charmosas, turbulentas.

Mulheres fortes e lutadoras.
Mulheres conquistadoras
Que amam e querem ser amadas
Elegantes e repletas de inteligência

Com paciência
O mundo soube conquistar.
Mulheres duras, fracas.
Mulheres de todas raças
Mulheres guerreiras
Mulheres sem fronteiras
Mulheres... mulheres...

Elas são tão fantásticas que deixam um poeta sem palavras...Gostaria de dizer muito mais,porque elas merecem pelo que representam em nosso universo masculino.
Nazareno Santos

________________________________________

Amor virtual


Cá estou solitário
Em frente à tela do meu micro,
Rebuscando no túnel virtual
Formas de apreendê-la
Para sentir-me um ser normal...

Posso oferecer-lhe buquês de flores
De matizes tantas,
Sob a rama de uma árvore do campo
E transar uma intimidade indescritível,
Repetível, insaciável, desmedida...

Posso namorá-la numa praça
Medieval, e vê-la jogar
Sementes às aves
E passar meu braço
Em volta das suas curvas
Num abraço demorado
Ou beijos apaixonados...

Está na mente a felicidade...
Esta cabana na encosta da
Serra serve-me bem...
Tem uma filete d’água
Que corre das escarpas
E jorra alegria às minhas
Magoas no banheiro
Lá no meio do açaizal...

Quando a saudade aperta
Abro novamente a tela
Do meu micro
E lá está ela
Deslizando na neve
Num balé de fadas
Com seu véu transparente
Que me faz transpirar...

A minha amada é pura e bela,
Digamos uma donzela
Fiel que se doa, que responde
Às minhas carícias
Com toda fúria de um vulcão.

Por que não amá-la
E domá-la e dominá-la,
E acalmá-la da sofreguidão?
                                       
Paulo Paixão



ENTÃO UM HOMEM LHE DISSE

Kalih Gibran Kalhil

Fala-nos do conhecimento de si. E ele respondeu:
Os vossos corações conhecem, no silêncio,
os segredos dos dias e das noites.
Mas os vossos ouvidos têm sede de ouvir finalmente
o eco do saber dos vossos corações.
Gostaríeis de saber pelo verbo
o que sempre soubeste pelo pensamento.
Gostaríeis de sentir com os dedos
o corpo nu dos vossos sonhos.
E está certo que assim o queirais.
A fonte oculta da vossa alma deve necessariamente
jorrar e correr a murmurar para o mar;
e o tesouro das vossas profundezas infinitas
revelar-se aos vossos olhos.
Mas que não haja balança
que pese o vosso tesouro desconhecido;
e não procureis explorar os abismos do vosso saber
com a vara ou com a sonda,
pois o eu é um mar sem limites e sem medida.
Não digais: "Encontrei a verdade",
mas antes: "Encontrei uma verdade."
Não digais: "Encontrei o caminho da alma."
Mas antes: "Cruzei-me com a alma que seguia pelo meu caminho."
Pois a alma percorre todos os caminhos.
A alma não caminha sobre uma linha
nem se alonga como uma vara.
A alma abre-se a si própria
como se abre um lótus de inúmeras pétalas.



________________________________________


UM POEMA BASTA?

Declinei meus olhos
Rasguei as entranhas do nada
me debrucei sob a esperança
e cavalguei feito criança
por uma vã estrada

Queria juntar todas as palavras
Numa só razão, num só momento
fazer sangrar no coraçÃO
a razão maior do sentimento

Um poema basta pra traduzir tua imagem?
Se eu te amo
mas se você não existe
Se me deparo com uma miragem
Prefiro calar
Pra contemplar
Eternamente teus olhos tristes rasgando a paisagem...

Nazareno Santos
_________________________________


LEMBREI-ME DE VIVER
 
DIA LINDO!
NOITE BELA.
QUE ALEGRIA TE ENCONTRAR.
LUA !
SOL !
ESTRELA GUIA !
VEJO-ME EM TEU OLHAR.
HORAS TRISTES!
FAZ PARTE DA VIDA.
PORÉM HÁ TANTA EMOÇÃO!
QUANDO VEJO A MINHA ESPERA.
UM IMENSO CORAÇÃO,
QUE GUARDA BONDADE ENVOLTA,
NUM MANTA DE PAIXÃO,
QUE AMENIZA QUALQUER DOR.
QUE ADORÁVEL ENVOLVIMENTO,
FEZ-ME MULHER E CRESCER,
EM UM MAR DE SENTIMENTO,
Ah ! LEMBREI-ME DE VIVER... ....

Enviada por Antonieta Lima



_____________________________


VERBO
Eu fico calado pra suportar teu silêncio dissimulado
Eu amo do meu jeito
Rasgo no peito
A Dor da solidão, mesmo estando ao teu lado
De um amor reticente
Surpreendente
Que corre na alma
Feito sangue na
Veia
Que mantém vivo o coração....
E pra não lhe machucar
Rasgo a ferida ainda aberta
De uma paixão incerta
Por ter me anulado
Por alguém que não aprendeu
A conjugar
O verbo amar...


Nazareno cabeça de poeta

__________________________________________________

Minha indignação 


Na plenitude de minha ignorância, hoje sofri na pela a discriminação de um governo mau assessorado, aja vista que tive um veiculo apreendido com todos os documentos em dia, ao achar que seria por perseguição, recorri a autoridade maior do Município, onde consegui falar com o senhor prefeito e mostrar os documentos os quais tem conhecimento, fui bem atendido, fiquei até surpreso em me retornar a ligação, dando satisfação do assunto o qual o senhor não teria nenhuma obrigação em fazer-la, fico grato em ver que tem interesse em desvendar as denuncias que chega até você, só que mesmo mostrando os documentos o carro continuou preso, me senti tão pequeno e injustiçado quando ouvi da autoridade de transito nomeada por você dizer com a própria boca "ta tudo legal mas infelizmente não posso liberar teu carro", fiquei sem terra nos pés, e a pois muitas horas me tremendo de raiva, decidi que iria tocar fogo no carro, já que é meu, está em dias com seus documentos mais sou privado de usar, fui até a garagem da prefeitura com gasolina e felizmente não me deixaram entrar,... agora ja são 7 horas da noite e como sou um ze ninguém não vai fazer a mínima diferença pra você saber disso, mas é duro um cidadão Itaitubense   que tenta viver dentro da legalidade, se sentir humilhado mesmo estando no seu direito me sentir tão minúsculo... e como eu sei que essa mensagem não chega até você, estou escrevendo como forma de desabafar ou botar pra fora essa raiva que rasga no peito...

0 comentários :

Postar um comentário

Obrigado pela sua participação !

Aquivo deste blog